Como controlar e restringir acessos na era da computação na nuvem?

Tempo de leitura: 4 minutos

O avanço da tecnologia permitiu a automação dos serviços e uma série de facilidades para os usuários. A computação na nuvem é um exemplo de inovação que vem ganhando cada vez mais popularidade dentro do mundo empresarial.

Essa tendência permite o armazenamento de arquivos online em uma rede e o seu acesso por meio de qualquer tipo de dispositivo, desde que esteja conectado à internet.

Contudo, a segurança de dados desse mecanismo ainda é, hoje em dia, um desafio para muitas empresas. Muitas delas investem grande quantia de dinheiro para assegurar que as suas informações estarão protegidas contra a invasão de terceiros mal-intencionados.

Pensando nisso, neste artigo, apresentamos como controlar e restringir acessos na era da computação na nuvem. Acompanhe a leitura!

Como funciona o armazenamento na nuvem?

O armazenamento na nuvem é um mecanismo inovador disponibilizado por grandes empresas do ramo tecnológico, como Google e Microsoft. Essas corporações têm servidores altamente especializados que armazenam todos os arquivos dos usuários.

O usuário entra na sua conta por meio do seu login e consegue acessar todos os arquivos que armazenou. A segurança é feita por serviços que guardam os dados em duplicidade, ou seja, eles são salvos mais de uma vez em diferentes servidores. Isso os protege contra eventuais falhas ou panes que possam vir a acontecer.

Assim, se um servidor deixar de funcionar por algum motivo, os dados não serão perdidos. O sistema localizará os arquivos no servidor reserva.

Quais são as medidas tomadas para garantir a segurança da computação na nuvem?

É possível proteger os dados e restringir os acessos por meio da adoção de uma série de medidas de segurança. Vemos algumas, a seguir.

Criptografia de dados

Os dados criptografados com codificação combinada ininteligível permitem que apenas o usuário tenha o acesso aos arquivo, uma vez que são necessárias chaves de criptografia diferentes para descriptografar e decodificar as informações armazenadas. Quanto maiores forem as chaves, maior é a dificuldade para quebra-las, garantindo mais segurança para os dados armazenados na nuvem.

Separação dos dados

Os dados podem ser divididos, e cada parte ficar salva em um local no servidor. Essa medida evita que pessoas sem autorização tenham acesso por inteiro aos arquivos.

Local dos dados

As empresas que fornecem os serviços de computação na nuvem mantêm servidores em vários países. Isso ajuda a manter a segurança.

Garantia no caso de falência ou venda

A empresa que fornece o serviço de Cloud Computing deve garantir que, nos casos de falência ou venda para outra instituição, os dados dos seus usuários continuarão sendo disponibilizados.

Apoio a investigações

A empresa deve garantir que em casos de atividades ilegais, disponibiliza as informações e autoriza processos de auditoria em seus servidores. Isso é muito importante para descobrir crimes cometidos e evitar que novos aconteçam.

Como aumentar a segurança de seus dados e acessos na nuvem?

Fazer backups periodicamente

Os backups ajudam a criar digitais de todos os dados dos usuários. Assim, mesmo que ocorra alguma falha no sistema ou instabilidades e o arquivo original seja corrompido, nada será perdido.

O ambiente remoto costuma fazer o monitoramento e backups periodicamente. Também podem ser enviados relatórios confiáveis, permitindo assim a segurança dos dados.

Manter o antivírus atualizado

Um bom antivírus evita que mecanismos maliciosos se infiltrem no sistema operacional do seu computador e o deixe vulnerável. Além da lentidão causada, pode acontecer o acesso às senhas dos usuários e a invasão das suas contas.

Por isso, use antivírus conceituados no mercado e faça atualizações frequentemente e até de maneira automática. Isso ajuda a aumentar a segurança da computação na nuvem.

Investir em softwares originais

Softwares ilegais apresentam uma ameaça. Apesar do aparente benefício pela economia, esses sistemas trazem riscos de vazamento de informações e invasão de dados. Além disso, podem estar infectados com vírus e ser uma porta de entrada chamativa para novos mecanismos maliciosos penetrarem no sistema.

Por isso, invista em softwares originais de marcas de qualidade e que tenham credibilidade.

A computação na nuvem é um mecanismo que traz inúmeras vantagens. Essa inovação chegou para ficar, e a tendência é que seja aperfeiçoada cada vez mais. Por isso, o investimento em tecnologias que garantem a segurança tem sido uma das principais preocupações das empresas.

Gostou do conteúdo e quer continuar sua jornada pelo conhecimento? Então aprenda o que é SLA e como ela é usada!