O futuro das relações de negócios é pauta da Talk Introduce #39

Tempo de leitura: 2 minutos

Acreditando que a conexão de startups ao “mundo corporativo” seja caminho para a inovação e transformação da nossa economia convidamos o fundador e CEO da VENTIUR, uma das principais aceleradoras do Brasil, Sandro Cortezia, que também é Coordenador de Pós-MBA em Gestão da Inovação e líder Aceleradoras da ANPROTEC para o webinar: O futuro das relações de negócios.

Acompanhe também a Talk Introduce #38 sobre Gestão de Projetos na Prática

Principais Insights

A startup nasce como grupo de pessoas trabalhando em um ambiente de extrema incerteza na busca de um modelo de negócios repetível e escalável. – Sandro

Startup como uma alternativa para um empreendedor individual começar a validar uma ideia de negócio. – Sandro

Cada vez mais vamos ver pessoas físicas com algum tipo de contrato atuando como uma empresa. – Sandro

Ou a empresa opta por encarar a inovação sempre ou ela está morta. – Sandro

Inovar é uma total necessidade de qualquer empresa. – Sandro

A inovação tem que ser pensada cada vez mais de uma forma mais radical. – Sandro

Modelo de negócio é uma das principais abordagens quando se quer tratar do tema da inovação e não necessariamente mexer no produto. – Sandro

Entender o mundo como um sistema

A visão sistêmica entende que somos parte de um todo, que qualquer coisa que fazemos tem uma interdependência. – Sandro

O espaço físico passou a ser menos relevante. O que interessa de fato sã as relações entre vários atores. – Sandro

Principal diferença entre Startup e MPE: na maioria das vezes a MPE nasce para ser pequena, a visão do empreendedor é criar uma empresa pensando em não crescer demais. Quando falamos em uma startup, normalmente falamos de um empreendedor que tem uma visão de criar algo muito grande. – Sandro

É difícil inovar onde há uma cultura tradicional muito forte. Então, se a empresa quiser criar algo novo, faz mais sentido que ela faça isso fora de casa. Que ela dê espaço para essa inovação ser desenvolvia fora, porque dentro de casa, ela acaba matando.- Sandro

Venture Capital = também conhecido como capital de risco, é um capital aplicado em iniciativas mais inovadoras e um pouco mais arriscadas, que criam novas abordagens.

O mais importante ao fazer um trabalho de aceleração é selecionar bons empreendedores. – Sandro

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.